Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.@Salmos 103:14
retrato
Daniel Borges
(1959–)

Tra­du­ção do in­glês pa­ra o por­tu­guês por Dan­i­el Bor­ges, 2005.

Is­aac B. Wood­bu­ry, 1845 (🔊 pdf nwc).

retrato
Isaac B. Woodbury
(1819–1858)

Fraco eu sou, vê o Senhor,
E cujos anos é sem fim,
A quem dou o meu louvor;
Sou pó e Ele se lembra sim!

Sou como a tenra flor,
Como a erva meus dias são,
Que nasce e fana sem dor
Pelos fortes ventos que vão.

Para sempre Ele será.
Aos que a Jesus for leal,
Imutável é Jeová,
Prova de amor Celestial!

Promessa tem o cristão
Que em Jesus vive a esperar,
E vai ver Sua retidão;
E sua herança abençoar.